Servidores do DEINFRA se reúnem em assembleia e mantém estado de greve

Servidores do DEINFRA se reúnem em assembleia e mantém estado de greve

Servidores e servidoras se reuniram nesta terça-feira (13), no auditório do DEINFRA, para discutir os próximos passos do movimento iniciado em fevereiro. Desde o começo daquele mês a categoria paralisou suas atividades após a circulação de um projeto de autoria do Governo do Estado que beneficiaria apenas os engenheiros e arquitetos que atuam no DEINFRA.

O estado de greve foi instaurado e os servidores cobram do governo um projeto global que venha para atender a toda categoria. Até o momento, o Governo do Estado tem usado a Lei de Responsabilidade Fiscal e a Resolução 002/2018 do Grupo Gestor para protelar qualquer tipo de negociação com a categoria. Esta resolução suspende até 31/12/2018 qualquer tipo de tramitação ou processo administrativo que implique em aumento de despesas ou folha de pagamento dos servidores.

Sem conversas ou andamento da situação, os servidores debateram os próximos passos do movimento. Foi encaminhado que o estado de greve permanecerá, foram definidas estratégias de negociação com a Diretoria do DEINFRA e será intensificado o contato com parlamentares para garantir a celeridade na apresentação de um projeto que atenda a todos os servidores e servidoras. Além disso, será elaborado um relatório de contraponto à resposta de repercussão financeira fornecida pelo governo e uma nova assembleia deverá ser chamada na próxima semana.

Saiba mais sobre a paralisação no DEINFRA:

09 fev: Em assembleia, servidores do DEINFRA votam por estado de greve

08 fev: Servidores do DEINFRA paralisam atividades em Santa Catarina

19 fev: Paralisação no DEINFRA continua


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *