Reunião deverá abrir oficialmente a negociação com os servidores públicos

Reunião deverá abrir oficialmente a negociação com os servidores públicos

Na segunda-feira, dia 14/11, às 14 horas, acontece nova audiência entre a diretoria do SINTESPE com o Secretário Milton Martini, para tratar da Campanha Salarial Unificada dos Servidores. A reunião deverá abrir oficialmente a negociação com os servidores públicos do estado e o SINTESPE terá como objetivo forçar o estabelecimento de um cronograma de negociação da pauta de reivindicação.

Os servidores estão cansados dessa política do governo do estado, e chegou à hora de colocar fim aos 10 anos de descumprimento de direitos constitucionais dos servidores públicos.

Agora é a hora de reforçar a pressão e fortalecer a mobilização em busca da data-base, reposição das perdas de 30,88%, aumento do vale alimentação, política salarial, isonomia das gratificações de produtividade, implementação das promoções, e pela revogação da lei estadual que permite ao governador do Estado entregar a gestão dos hospitais e demais unidades da saúde pública por meio de convênios e contratos com ONG’s e OS’s.

Isonomia das gratificações

Outro assunto a ser tratado na reunião será mais uma vez o desrespeito e a discriminação enfrentada pelos servidores do Administrativo da Educação, Imetro e Agesc e do Quadro Único de Pessoal da Administração Direta e estão lotados na Secretária de Justiça e Cidadania (SJC).  Estes servidores não vêm recebendo qualquer tipo de gratificação.

Secretaria de Justiça e Cidadania

O SINTESPE aguarda uma solução para os servidores da SJC que foram empossados por mandado de segurança, para o cargo de agente penitenciário, e agora, estão pressionados por toda uma situação criada pelos gestores do governo, na maneira como conduziram o concurso público. Em termos jurídicos os servidores estão correndo o risco de perderem a posse que seria semelhante a ser exonerado, ou seja, perder o cargo de servidor público.

Pressão nos Deputados

Para lutar contra toda essa situação e pela Pauta Unificada de Reivindicações, foi deliberado na última Assembleia Geral a convocação de um Dia de Luta, com paralisação e realização de nova Assembleia Geral para o dia 23 de novembro de 2011. Para esse dia está previsto a concentração dos servidores na Assembléia Legislativa, a partir das 14 horas. Na oportunidade o SINTESPE tomará a iniciativa de apresentar aos deputados estaduais um anteprojeto de lei, visando instituir a data-base com política salarial.

DIA DE PARALISAÇÃO COM ASSEMBLEIA GERAL
DIA: 23 DE NOVEMBRO DE 2011
HORÁRIO: 14H
LOCAL: ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE SC


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *