Nenhum ataque contra lideranças sindicais ficará impune

Nenhum ataque contra lideranças sindicais ficará impune

O SINTESPE SC – Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Estadual de SC, manifesta veemente REPÚDIO à violência sofrida pelas companheiras dirigentes do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Curitiba (Sismuc/PR), Juliana Mildemberg e Loide Ostrufka, que tiveram sua residência destruída pelas chamas de um incêndio criminoso, na madrugada do dia 3 de janeiro. No atentado, a presidenta da Federação dos Trabalhadores Municipários de SC (Fetram-CUT), Sueli Adriano, que acompanhava as duas dirigentes, teve seu carro roubado pelos delinquentes.

O crime tem clara motivação política. Juliana, Loide e Sueli estavam em Brasília para a posse do presidente Lula. Para atear fogo na residência, os criminosos utilizaram bandeiras da CUT e do PT, livros, carteirinhas e documentos do Sindicato dos Servidores Municipais de Curitiba. O PT de Curitiba e do Paraná, a Central Única dos Trabalhadores (CUT/PR), entidades dos movimentos sociais e sindical, entre elas, o SINTESPE, exigem das autoridades o esclarecimento do incêndio e a punição dos responsáveis pelo ato infame.

Não bastassem os acampamentos de uma parcela minoritária de extremistas derrotados nas eleições, que clamam por um golpe militar em frente aos quartéis do Exército, agora a corja de fanáticos atacam na calada da noite lideranças sindicais. Mas não basta só apurar, faz-se necessário que os movimentos sindical e social se deem as mãos para repelir de pronto, pelos meios à disposição da classe trabalhadora, qualquer tipo de ameaça e agressão. É preciso impedir que esses atos praticados por fascistóides, que têm contado aqui com a proteção silenciosa das forças de segurança do Estado, não se repitam. Nenhum ato contra as organizações do povo trabalhador pode ficar impune.

Solidariedade de Classe

Uma Campanha de Solidariedade às duas companheiras já foi lançada nas redes sociais, para arrecadar recursos que possibilitem a aquisição de móveis, roupas e mantimentos. Você também pode ajudar, utilizando a chave do Pix [email protected]

Veja mais fotos na página da Fetram/SC 

Foto: Divulgação Fetram/SC